Javascript não suportado Ao viajar para turismo, quais serviços públicos você costuma encontrar e que não encontra de forma adequada no centro histórico de São Paulo? (resposta aberta)

Participe+

Início

Ao viajar para turismo, quais serviços públicos você costuma encontrar e que não encontra de forma adequada no centro histórico de São Paulo? (resposta aberta)

Respostas abertas (12)


Fora do período de participação
  • Beatriz Messeder

    Centros de informações turísticas mais bem equipados, indicação clara de pontos de interesse, mapas digitais, banheiros públicos e bebedouros de qualidade. Maior oferta de rotas, "walking tours" e passeios gratuitos, sinalização turística em vários idiomas.

    Nenhuma resposta
    • Vanessa G. Muniz

      No tocante ao turismo, os serviços públicos que o centro histórico de São Paulo oferece de forma razoável e que podem ser potencializados são policiamento (sobretudo em virtude da Operação Delegada), uma Central de Informação Turística (CIT República), transporte público ramificado, inclusive no horário noturno, e presença de ciclofaixas. Por outro lado, os serviços que são inexistentes ou encontrados de forma inadequada são limpeza, zeladoria, iluminação, oferta de wi-fi gratuito, equipamentos de saúde, sinalização turística, acessibilidade e canal de comunicação digital efetivo e constantemente atualizado sobre os pontos turísticos e serviços da região.

      Nenhuma resposta
      • José Augusto B.

        sinalização de rotas e pontos de interesse turístico

        Nenhuma resposta
        • Diogo MM

          Sugestão de roteiros. Se a cada esquina tivesse alguma atração seria muito melhor. EX: começando no arouche visitando o mercado das flores sendo que esse foi transformado em mercado das flores / mercado gastronômico. Isso já faria uma ligação com a avenida Vieira de Carvalho que poderia ser fechada em domingos e feriados para incentivasse o potencial histórico gastronômico que tem. Ainda na Vieira seria muito importante que algum incentivo fosse dado para aquele prédio/estacionamento perto da praça da república virasse algo menos feio kkkk. Talvez uma galeria com lojas e restaurantes ou pelo menos mais residências… depois seguindo pela praça da republicar. Aquele prédio lindo que hoje fica a secretaria da educação e tem grades separando o prédio da rua, poderia ser transformado em algum museu com cafes e restaurantes abertos para a calçada. A feirinha da república poderia funcionar mais dias e em horário ampliado. Dali até o Anhangabaú acho que já tem bastante atração.

          Nenhuma resposta
          • luciananassif

            Indicação de pontos de interesse, centro de atendimento ao turista, banheiros públicos

            Nenhuma resposta
            • Renata CR

              Sinalização, mapas, presença de mais segurança, iluminação, demarcação de rotas turísticas, aproveitar melhor a Praça da República e entorno (mais programação)

              Nenhuma resposta
              • Clarissa Gagliardi

                banheiros públicos de qualidade, pontos gratuitos de acesso à internet (e segurança para acessar!!), áreas públicas para sentar/descansar

                Nenhuma resposta
                • Flora Saraiva

                  banheiros públicos, iluminação, materiais de apoio, mais centros de apoio ao turista, ônibus turístico (vide Porto Alegre, o Linha Turismo), bondinhos, limpeza

                  Nenhuma resposta
                  • Victor C. M. F. de Brito

                    Completando os comentários, acredito que a reativação de ao menos parte do sistema de bondes, dessa vez feita de forma turística e gratuita, conectando os diversos marcos e pontos históricos, incrementaria o valor turístico da região. Seria interessante também instalar postos de atendimento ao turista nas estações de metrô e distribuição gratuita de mapas da rede de transporte metropolitano nesses locais. Outra medida a ser implementada é que a passagem de ônibus possa ser paga por cartão de crédito ou débito na própria catraca do ônibus, o que já tem sido adotado em outros Municípios da Região Metropolitana.

                    Nenhuma resposta
                    • felipedantast

                      Acredito que melhor integração entre os pontos turísticos com guias (virtuais mesmo) e transporte que conecte esses pontos, por exemplo, hop on/hop off, bondes e outros serviços que façam pequenos trechos circulares nas regiões que visito. Além disso, a segurança 24h e não apenas em horários comerciais é crucial para um espaço agradável.

                      Nenhuma resposta
                      Voltar para o Início