Javascript não suportado Orçamento cidadão

Participe+

Início
Voltar

Índice de propostas

Etapa atual

Devolutiva

713

18/04/2022  •  Maria Luiza de Oliveira Marena  •  Aricanduva/Formosa/Carrão

Criação de fármacias públicas Fitoterapicas, ou compra dos mesmos e disponibilização gratuita em postos de saúde segue em anexo uma reportagem da cidade Gaspar em Santa Catarina que já é implantado isso.

1 apoio
Não eleita

Contemplar uma farmácio da alto custo na UVIS

20/04/2022  •  Carlos Alberto Pinheiro Dos Santos  •  Jaçanã/Tremembé

Contemplar dentro da abrangência da Unidade de Vigilância em Saúde Jaçanã/Tremembé (UVIS J/T) FARMACIA DE ALTO-CUSTO para atender a municipalidade da região.

1 apoio

1859

24/04/2022  •  Carlos de Lima Luis  •  Perus

Descentralizar os locais onde são distribuídos os insumos, fraldas e medicamentos na cidade de São Paulo dividos por Macroregião.

Desde o ano passado para cá estamos tendo falta de medicamentos, fraldas e insumos, na maoria das UBS (Unidade Básica de Saúde) postinho na cidade de São Paulo. Uma vez a justificativa dada foi que estava sendo feito um inventário no depósito central e levou mais de um mês. E geralmente as entregas são realizadas uma vez por mês seguindo um procedimento de roterização. Com estes depósitos descentralizados, agilizaria a entrega destes medicamentes pelo menos para duas vezes por mês e tendo pelo menos dois caminhões da frota, para entregar a falta de medicamentos pontuais e principalmente fraldas que não foi resolvido. Zona Noroeste (Perus/Anhanguera/Pirituba e Jaraguá). 

2 apoios

1001

22/04/2022  •  Celia Regina Palma Martins  •  Lapa

Apoio às propostas: 988,  989, 991, 992

1 apoio

1875

24/04/2022  •  Carlos de Lima Luis  •  Perus

Aumentar nas Farmácias Populares mais medicamentos do Remune (cedidos pelo SUS) além de pressão arterial e diabetes.

Com a pandemia e falta de medicamentos na rede pública (SUS), as farmácia populares aceitavam as receitas e às vezes davam medicamentos para até três meses, ajudando um pouco a necessidade da população. Verificar como funciona o programa e fazer convêncios com o Governo Muncipal, Estadual e Federal para verificar quais poderiam ser incluídos e inclusive estas farmácias serem incluídas no aplicativo Aqui tem Remédio, podendo entrar como nome nas parcerias das drogarias/farmácias privadas ou simplesmente aparecer Fármacia Popular tem o remédio. 

2 apoios

1562

24/04/2022  •  LUIZ ALVES  •  M'Boi Mirim

gostaria de propor que se mantenha um estoque minimo nos postos de saude de pelo menos medicamentos de uso continuo , as vezes falta medicamento tipo hidrocloritiazida que é super barato 

Nenhum apoio
Voltar para o Início